Agnaldo da Saúde endossa candidatura a deputado estadual de Paulo Câmara

0
63

O presidente da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, vereador Agnaldo Teixeira Barbosa, o “Agnaldo da Saúde” (PR), político em ascendente crescimento local, informou que é unificada a decisão do seu grupo político de apoiar nas eleições de 2018, a candidatura de deputado estadual do vereador soteropolitano Paulo Câmara (PSDB). O pré-candidato Paulo Câmara mantém uma interlocução com Teixeira de Freitas através do seu aliado político Agnaldo da Saúde e quando esteve ocupando um importante cargo de secretário nacional no Ministério da Secretaria de Governo da Presidência da República, liberou grandes recursos financeiros para o município de Teixeira de Freitas, recursos esses que tem chegado até os dias atuais.

Para o presidente Agnaldo da Saúde, o nome de Paulo Câmara representa o novo e a esperança do atual processo político. “Entendo que ele é um ótimo nome, gosta da Bahia e em Salvador já provou sua capacidade administrativa, especialmente com a interação com a vida complexa da cidade. Ele tem muito apreço pela cultura, pela educação, pela saúde, pelo agronegócio, pelo desenvolvimento político em geral e tem experiência como gestor, tanto que ocupou até recentemente uma das mais importantes funções do planalto da república e teve a oportunidade de contribuir com o país inteiro”.

A última conquista que o município de Teixeira de Freitas obteve por meio da liberação financeira de Paulo Câmara e da contribuição direta do deputado federal Antônio Imbassahy (PSDB) diante da adesão do prefeito Temóteo Brito (PSD), foi a liberação dos recursos na ordem de 2,6 milhões para a compra de uma patrulha agrícola mecanizada composta de três tratores cabinados, uma patrol, uma retroescavadeira, 5 casas de farinha, 10 poços artesianos, um viveiro agroflorestal, um quite completo automotor para o Conselho Tutelar e a liberação de 193 barracas para a agricultura familiar.

Paulo Câmara é economista de formação e já foi secretário de governo por duas ocasiões do município de Salvador, foi presidente da Câmara Municipal da Capital por duas vezes, vereador de quarto mandato em Salvador, sendo que nas últimas eleições foi o vereador mais votado do norte/nordeste do país e até o último mês de abril, ocupava em Brasília, a titularidade da Secretaria Nacional de Assuntos Federativos da Presidência da República, quando se desincompatibilizou do cargo para concorrer nas eleições deste ano, uma vaga na Assembleia Legislativa do Estado da Bahia. (Por Athylla Borborema) TN