Rui exonera Vilas-Boas e chef alvo de ofensa se pronuncia: ‘Mundo mudou’

0
Foto: Fernando Vivas/ GOVBA

O pedido de exoneração do agora ex-secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, foi oficializado em publicação no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (4). A decisão foi tomada após uma reunião com o governador Rui Costa, onde Vilas-Boas entregou uma carta com o pedido, aceito por Rui.

A saída se deu após o caso de ofensa contra a chef do restaurante Preta, Angeluci Figueiredo.

Na carta, o médico agradeceu a confiança do governador que lhe fez o convite e que “deu a oportunidade de contribuir para uma verdadeira revolução na saúde visando atender a quem mais precisa”. Fábio também desculpou-se por episódios recentes envolvendo a empresária Angeluci Figueiredo.

Após ficar sabendo sobre o pedido de exoneração, Angeluci Figueiredo falou com o Alô Alô Bahia sobre o episódio. “No fundo, eu não queria isso, mas tenho minha consciência tranquila. Sempre o tratei bem, como um amigo que visita um outro em uma casa. Sempre o acolhi da melhor forma em todas as vezes que ele foi ao Preta”, disse.

Ela também explicou o motivo de ter divulgado as mensagens. “O mundo mudou, a gente tem que trabalhar a empatia e revelei o que aconteceu não mais por mim, mas por todas as mulheres que já foram de alguma forma assediadas e não tiveram chance de serem ouvidas”, afirmou.

Depois do caso, Fábio foi alvo de muitas críticas, entre elas, de parlamentares e entidades, que repudiaram as ofensas do secretário da Saúde contra empresária. O então titular da Sesab chegou a ser flagrado por câmeras invadindo o estabelecimento.

O governador Rui Costa realizou uma live na noite desta terça-feira (3), em suas redes sociais, o Papo Correria. O gestor estadual ignorou o tema e não falou sobre a saída de Vilas-Boas.

Bahia Notícias