Itabela é o primeiro município da região a pagar professores com reajuste do piso salarial

0

VALORIZAÇÃO PROFISSIONAL


Nesta quarta-feira, 30, o prefeito Luciano Francisqueto autorizou o pagamento da folha do mês de março com o reajuste de 33,50%.

Itabela tornou-se o primeiro município do sul da Bahia a pagar o novo reajuste do piso salarial dos professores. Nesta quarta-feira, 30, o prefeito Luciano Francisqueto autorizou o pagamento da folha do mês de março da educação, e os profissionais já receberão os salários com o reajuste de 33,50%. O valor é acima do previsto pela Lei do Piso Nacional, que é de 33,24%.

O prefeito Francisqueto disse que o pagamento representa uma conquista de valorização dos professores. “É com grande satisfação que Itabela se tornou o primeiro município da região a pagar o novo reajuste do piso salarial, e ainda melhor, pagando com o percentual de 33,50%, acima do esperado pela categoria. Isso é um compromisso da gestão em valorizar e reconhecer o papel importante desses profissionais em nossa sociedade”, comentou.

O pagamento aconteceu em tempo hábil, e só foi possível após avaliação de uma equipe técnica do município, que conseguiu criar o projeto de lei, que foi encaminhado e aprovado pela Câmara de Vereadores, depois sancionado pelo prefeito e publicado no Diário Oficial do Município na última segunda-feira (28).

Francisqueto ressaltou ainda os investimentos na infraestrutura das escolas municipais como prioridade da sua gestão. “Além da valorização dos profissionais da educação, priorizamos também a infraestrutura de todas as escolas públicas, que foram construídas, reformadas e ampliadas para dar mais conforto e comodidade aos alunos e educadores. Vamos continuar priorizando sempre”, pontou.

63 MESES DE SALÁRIOS ANTECIPADOS

A Prefeitura completa em março 63 meses consecutivos de pagamento de salários antecipados. Aproximadamente R$ 4 milhões estão sendo injetados na economia de Itabela com a quitação da folha salarial de todo funcionalismo público neste mês.

Na terça-feira (29) foram autorizados os pagamentos para servidores das áreas da saúde e administração.